Os nordestinos com mais participações na elite do Brasileirão desde 2003

Vitória/BA, Sport/PE e Bahia/BA são os clubes nordestinos com mais participações na Série A na era de pontos corridos

7 de setembro de 2020

O Campeonato Brasileiro sempre é muito desafiador, principalmente para os times do Nordeste. Normalmente os clubes da nossa região tem um orçamento menor do que os concorrentes do eixo Sul/Sudeste. O número de 20 clubes na Série A, com quatro rebaixados por temporada, fez o futebol da região se acostumar a uma verdadeira gangorra com subidas e descidas à Série B, desde que o modelo por pontos corridos foi implantado, em 2003. O Vitória, que disputa atualmente a Série B, está numa disputa “pau a pau” com o Sport. 

Os leões da Bahia e de Pernambuco têm o maior número de participações, dez, e protagonizaram as duas melhores campanhas da região até aqui: o 5º lugar do rubro-negro baiano em 2013 e o 6º do pernambucano, em 2015. Curiosamente, somaram o mesmo número de pontos nos anos de destaque: 59. E para o azar de ambos, as vagas para a Copa Libertadores, na época, se resumiam ao G4 do campeonato. Desde 2017, as vagas  aumentaram para o G6.

Depois de passar sete anos sem disputar a Série A na década passada, o Bahia recuperou o tempo perdido na atual, em que se estabilizou na primeira divisão. Há quatro temporadas consecutivas na elite, pode igualar a marca de maior longevidade que pertence ao Sport. Ao todo, o esquadrão baiano está presente pela nona vez.

Atualmente, o Vitória disputa a Série B pela segunda temporada consecutiva. Em baixa, contrasta com o melhor momento do futebol nordestino, que pela terceira vez seguida tem quatro integrantes na Série A, um recorde para a região. Os atuais são Bahia, Ceará, Fortaleza e Sport.

Apenas nove clubes do Nordeste participaram do Brasileirão ao longo dessas 18 edições, sendo que América/RN e CSA/AL foram visitantes de apenas uma temporada – o time potiguar, rebaixado em 2007 com 17 pontos, detém até hoje o recorde de pior campanha geral nos pontos corridos. Além da dupla, somente baianos, pernambucanos e cearenses tiveram representantes.

Ranking por participação:

1º Vitória e Sport com 10.

3º Bahia com 9.

4º Fortaleza, Ceará e Náutico com 5.

7º Santa Cruz com 2.

8º América-RN e CSA com 1.

Melhor colocação: 5º lugar

Vitória em 2013. A campanha teve 16 vitórias, 11 empates e 11 derrotas.

Maior pontuação: 59 pontos

Vitória em 2013 e Sport em 2015. O Sport terminou em 6º naquele ano.

Maior tempo de permanência: 5 anos

Sport de 2014 a 2018. O Bahia está em sua quarta temporada consecutiva e, se não for rebaixado este ano, iguala o recorde de permanência de um time nordestino na era dos pontos corridos.

Estados participantes: 5

Ceará, Bahia, Pernambuco, Rio Grande do Norte e Alagoas. Sergipe, Paraíba, Piauí e Maranhão não tiveram representantes neste atual formato de pontos corridos.


Publicidade

Veja também


Desenvolvido por