David brilha e faz a festa no aniversário do Fortaleza

Vice artilheiro do tricolor no ano, David fez o seu 7° gol na temporada e chegou a terceira partida seguida marcando gol.

18 de outubro de 2020
david braços abertos

No dia do seu aniversario de 102 anos, o Fortaleza conseguiu uma grande vitória contra o Palmeiras e chegou aos 24 pontos no Brasileirão. Com o resultado, o tricolor assumiu a 7ª colocação no campeonato e entrou na briga pelas primeiras posições da tabela.

Em noite inspirada do atacante David, o Leão abriu 2 x 0 ainda no primeiro tempo e segurou o placar até o final. O jogo ainda marcou o lançamento do "Les Bleus", o novo terceiro uniforme do Fortaleza.

Max Walef, o coadjuvante de luxo

Com dois gols nos primeiros 45 minutos, David pode ser considerado o grande nome do time na etapa inicial. Mas, o zero no placar da equipe do Palmeiras em muito se deve as boas defesas do jovem goleiro Max Walef, titular na partida deste domingo.

Por duas vezes, Max fez grandes defesas e evitou que o Palmeiras saísse na frente. Aos 18, Gustavo Gomez, na primeira chegada do alviverde, escorou um cruzamento e Viña desviou pro gol, pra uma defesa a queima roupa do goleiro tricolor. Outro que assustou foi Raphael Veiga, que recebeu passe da esquerda e mandou pro gol. Mais uma vez, Walef defendeu com muita agilidade, salvando o Fortaleza.

David, o dono da festa

Já lá na frente, quem comandou as ações tricolores foi David. Criticado por boa parte da torcida em vários momentos do campeonato, o atacante vai reencontrando a boa fase e chegou ao seu quarto gol nos últimos três jogos do clube.

Mas, antes de abrir o placar, o tricolor chegou à frente com Osvaldo, que recebeu passe de Yuri César aos 9 minutos, invadiu a área e obrigou Weverton a fazer uma grande defesa. Aos 26, num belo contra-ataque, Osvaldo recebeu um ótimo passe e quase ganha na velocidade do goleiro palmeirense, para abrir o placar.

Aí brilhou a estrela de David. Aos 35, o atacante aproveitou uma ótima jogada entre Tinga e Ronald. O volante chegou no fundo e cruzou para David mandar para as redes. O atacante ainda precisou esperar que o gol fosse validado pelo VAR para poder comemorar. Sete minutos depois, Tinga roubou uma bola no meio de campo e cruzou na área. O lateral do Palmeiras, Mayke, quase fez contra. A bola pegou na trave e voltou para David, que fez seu segundo gol no jogo.

Queda de ritmo no segundo tempo

Na etapa final, um jogo mais burocrático. Bom para o Fortaleza, que controlou o tempo e as ações do jogo. O Palmeiras, grande interessado em reverter o resultado, fez uma partida pobre e sem levar tanto perigo. O treinador Rogério Ceni aproveitou o ritmo do jogo para fazer as cinco mudanças a que tem direito e, assim, poupar seu elenco para os próximos desafios.

No fim, vitória assegurada e festa completa pelos 102 anos do clube.

Foto: Samuel Andrade / Futebolês


Publicidade

Veja também


Desenvolvido por