Como nos dois últimos anos, Ceará empata contra o Flu no Maracarã

Alvinegro voltou com o pé no acelerador no 2º tempo, conseguiu a virada, mas não segurou o placar até o fim

17 de outubro de 2020

Jogando fora de casa, o Ceará saiu atrás no placar ao tomar um gol de Luiz Henrique no começo do jogo, mas conseguiu empate ainda no final do primeiro tempo, após cabeçada de Charles e desvio de Hudson.

No segundo tempo, Vina botou o Ceará na frente, mas Danilo Barcelos empatou pro tricolor carioca. Com o empate, o Ceará volta pra casa com 1 ponto chegou aos 19 pontos na classificação.

Agora o alvinegro volta as suas atenções para o Clássico-Rei da próxima quarta-feira (21), quando luta para reverter a vantagem sobre o Fortaleza, em busca do título do campeonato estadual.

Empate no primeiro tempo

Bem abaixo da expectativa. Assim foi o começo de jogo do Ceará, que errou muitos passes e deu muito espaço ao Fluminense pelas laterais. Após se livrar de tomar o gol quando Fred furou aos 9, não teve a mesma sorte aos 12, quando Danilo Barcelos cruzou na cabeça de Luiz Henrique que mandou para as redes.

Atrás no placar, o alvinegro tentava sair pro jogo, mas seguia cometendo erros, principalmente no setor ofensivo. Léo Chú puxava os contra-ataques com velocidade, porém não transformava as suas ações em perigo ao gol de Muriel.

Mesmo sem fazer um bom primeiro tempo, o empate veio numa bola parada. Vina cobrou escanteio fechado e Charles desviou a bola que ainda tocou no volante Hudson, enganando o goleiro tricolor.

Ceará manda no segundo tempo, mas toma gol no fim

O segundo tempo começou movimentado, com muita velocidade de ambas as equipes. Nos primeiros 10 minutos da etapa final, o Ceará chegou duas vezes, sempre com Léo Chú, acionado pelos laterais alvinegros. A mais perigosa foi logo aos 2, quando o atacante entrou na área e bateu cruzado, mas pra fora.

Em seguida, o Ceará seguiu pressionando o Fluminense. No seu melhor momento na partida até então, o alvinegro passou perto de conseguir a virada.

Aos 14 minutos, após boa jogada de Pedro Naressi, mais uma vez Léo Chú bateu e foi travado pela defesa. No escanteio, Vina levou perigo em mais uma cobrança fechada. Já aos 22, foi a vez de Vina invadir a área e obrigar o goleiro Muriel a fazer uma grande defesa.

Aos 32, a pressão do Ceará dá resultado. Vina rouba a bola de Digão, dribla Muriel e manda para o gol. Após mandar a bola pra dentro, o meia caiu no gramado de mal jeito e precisou ser substituído por Lima. O alvinegro seguiu pressionando e teve grande chance com o volante Khelvin, mas sem sucesso.

Quando tudo parecia encaminhado pra vitória, o Fluminense chegou ao empate no fim do jogo. Caio Paulista lançou a bola na área, Fred escorou e Danilo Barcelos deu números finais a partida. Empate frustrante para o alvinegro.

Foto: Felipe Santos / Ceará SC


Publicidade

Veja também


Desenvolvido por